Branding: como dar personalidade à sua marca

Branding é uma palavra muito conhecida em marketing. A verdade é que, associar uma identidade a uma marca é determinante para se ser bem sucedido nos negócios.

 

Que o branding é importante para uma marca, ninguém tem dúvidas! O que muitas vezes não se sabe é de todo o trabalho associado ao logo, ao slogan ou à identidade visual de uma empresa. Trata-se de um trabalho árduo onde são combinados inúmeros fatores e onde a criatividade é mais desafiada do que nunca!

 

O retorno do seu investimento em branding chegará a longo prazo: o reconhecimento da imagem de uma marca pode demorar algum tempo. A ausência do imediatismo é algo frustrante para muitos empreendedores mas, ao longo do tempo, o logo, as cores e a perceção criada em torno da marca são facilmente associados a determinado negócio.

 

É claro que o tempo, por si só, não é suficiente. Existe um trabalho prévio para se alcançar o conceito de marca que se pretende. Grande parte das empresas prefere delegar este trabalho a profissionais – como se trata de um aspeto essencial para o sucesso da empresa, optam por serviços de design que desenvolvem o branding da empresa com um conhecimento mais aprofundado sobre esta área.

 

Mesmo que tencione contratar um designer, veja as noções que lhe deixamos de seguida sobre este tema. Assim, quando lhe apresentarem propostas, compreenderá melhor alguns aspetos e poderá dar a sua opinião com conhecimento de causa.

 

 

4_imagens_branding_2

 

 

Branding: como criar o seu

 

O conceito de marca está associado a um processo de autodescoberta porque o obriga a olhar criticamente para a sua empresa, o que se pode tornar difícil!

Comece por responder a algumas perguntas que lhe permitam traçar um perfil e desenvolver uma estratégia de branding personalizada. Sim, porque não existem dois conceitos de marca iguais!

 

  • Qual é a missão da sua empresa?
  • Quais são as características dos seus produtos ou serviços?
  • Quais os benefícios que oferece aos clientes?
  • Qual é a perceção que quer criar no seu público-alvo? Qual a imagem de marca que quer transmitir?
  • Já existe uma opinião formada a respeito da sua marca? Qual é?

 

Para além de se autodefinir, deve também estudar o mercado. Perceber o que os seus potenciais clientes procuram e o que pensam sobre os seus concorrentes é essencial. Para além disso, é importante ter noção do que está disponível no seu segmento de mercado, assim torna-se mais simples identificar falhas e apresentar soluções para corrigi-las, trazendo valor acrescentado para os consumidores.

 

A consciência de que branding é essencial é cada vez mais comum entre os gestores de diversas áreas! Este cuidado não se aplica apenas a negócios que estão a começar: nunca é tarde para criar um conceito de marca ou até para renová-lo!

 

Então, e quando chegam os resultados? Esta é a pergunta chave porque, de facto, qualquer decisão no mundo dos negócios tem sempre o mesmo objetivo: obter lucro! O branding é um dos possíveis (e mais óbvios) caminhos para chegar à finalidade de gerar vendas, mas é necessário ter em atenção que o retorno é de longo prazo. Não espere criar um conceito de marca e obter resultados passado pouco tempo, porque criar laços afetivos com o público é demorado… Mas no final compensa!

 

Dica final: Saiba o que quer ser para os seus clientes, cuide da sua identidade visual, aposte em ofertas de produtos e serviços diferenciadores, valorize a sua comunicação, promova-se, conheça o mercado onde está inserido, dê importância a todos os pormenores e… construa uma marca amiga.

 

Este Artigo foi útil? Sim Não
Loading Facebook Comments ...

Deixar uma resposta