4 Dicas para aumentar a produtividade no trabalho

Atualmente, encontrar um trabalho não é tarefa fácil. E quando falamos de manter esse mesmo trabalho, o grau de dificuldade aumenta. A verdade é que o mercado está cada vez mais competitivo e procuram-se pessoas multitasking, capazes de dar resposta a diversas questões. Por isso mesmo, os funcionários têm que estar preparados para conseguir dar o seu melhor e superarem expectativas.

Ainda assim, a dúvida persiste: afinal de contas como é que se define um bom funcionário nos dias de hoje? Através do conhecimento que possui? Do nível de experiência? Da quantidade de horas que passa no trabalho? A verdade é que quantidade não significa qualidade – passar muitas horas no escritório não significa necessariamente produtividade.

Conhece a palavra Procrastinação? A Procrastinação é um termo que significa o adiamento de uma ação ou tarefa. Por vezes, este “faço depois” é feito de forma inconsciente – é frequente substituir-se uma ação importante e prioritária, por uma ação menos relevante, mas que poderá ser mais fácil. No entanto, adiar uma tarefa prioritária nada tem de bom, até porque se sabe que, mais cedo ou mais tarde, terá que ser feita.

Este tipo de comportamento pode resultar em stress, ansiedade e, principalmente, na falta de produtividade. Se estiver a passar por um período de cansaço, saturação ou se simplesmente quiser aumentar o seu nível de produtividade no trabalho, veja as nossas dicas! Em apenas 5 minutos pode otimizar o seu tempo e a sua capacidade de organização!

 

1. Faça uma Checklist

 

Por vezes pode pensar que tem tudo sob controle e que está a par de todas as tarefas que precisa de realizar. No entanto, é normal que se esqueça de algo e, se não tiver objetivos bem definidos e por ordem de prioridade, pode acabar por adiar algo importante.

Para que isso não aconteça, assim que chegar ao trabalho, faça uma lista de tudo o que precisa de fazer naquele dia. Se surgirem novas tarefas, adicione-as à sua lista – lembre-se sempre de manter as tarefas por ordem de prioridade. Desta forma, não se esquecerá de nada e, sempre que concluir uma tarefa, poderá riscá-la da checklist – o que é uma ótima forma de motivação! Torne esta pequena ação parte da sua rotina diária e será muito mais produtivo!

 

 

2. Evite fazer várias tarefas em simultâneo

 

Pode até pensar que o ideal é fazer várias coisas ao mesmo tempo e que isso pode ajudar a pupar-lhe tempo. No entanto, está comprovado que realizar várias tarefas em simultâneo pode consumir até 40% do tempo de uma pessoa – provocando uma redução significativa nos níveis de produtividade.

É preferível concentrar-se em apenas uma tarefa de cada vez, garantindo que mantém o foco. Desta forma, conseguirá terminar as suas tarefas muito mais rápido!

 

3. Aproveite as pausas para ver o telemóvel

 

Mesmo que seja uma pessoa extremamente responsável, não deixe o seu telemóvel por perto enquanto trabalha. A verdade é que, se o fizer, sempre que receber uma notificação – seja do Facebook, do Instagram ou até uma mensagem – terá muita dificuldade em não olhar, mesmo que seja apenas por um segundo!

Por isso, guarde-o ou desative os alertas e aproveite as pausas para retomar contactos e atualizar-se sobre as últimas novidades!

O mesmo se aplica ao e-mail. Muitas pessoas têm por hábito consultar com muita frequência o e-mail, clicando sistematicamente no botão atualizar. Este é um hábito negativo que deve evitar. Mais uma vez, o ideal é que defina um horário para o fazer – por exemplo, veja o seu e-mail quando chegar ao trabalho, antes de almoço, a meio da tarde e antes de sair!

 

4. Finalmente, a dica mais importante de todas: faça pausas

 

Ninguém consegue manter o mesmo nível de concentração por mais de três horas seguidas. Aliás, os especialistas recomendam que, a cada uma hora e meia, deve fazer uma pausa de 5 minutos para descansar a cabeça, a vista e o corpo. Trabalhar 6 a 8 horas seguidas não significa que o nível de produtividade seja superior, muito pelo contrário. Recarregar baterias é fundamental para ser mais eficiente e, por isso, essas pequenas pausas não são apenas necessárias, são obrigatórias!

Além disso, se o seu instrumento de trabalho for o computador, é importante fazer uma pausa de 2 minutos, a cada 45 ou 50 minutos – nem precisa de sair do seu lugar, basta não olhar para o ecrã do computador. Faça isso durante uns minutos para descansar a sua vista, é importante!

 

 

Estes conselhos são extremente relevantes mas não são os únicos. Para melhorar ainda mais o seu nível de produtividade, quando fizer pausas, aproveite para se distrair um pouco: consulte o seu e-mail pessoal, leia as notícias, veja as suas redes sociais ou converse com os seus colegas de trabalho. Comece agora a implementar algumas destas ideias e veja os resultados a curto prazo! Experimente e diga-nos como correu!

Este Artigo foi útil? Sim Não
Loading Facebook Comments ...

Deixar uma resposta